quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Choveu... (Caio S.C.)


"E o tempo sentiu minha tristeza,
e logo começou a chover,
pois ficou-se sabido
que eu iria morrer.


Minhas poesias aqui ficam,
inspiradas em você.
Quisera eu um dia,
voltar a te ter.


Não é fácil correr pra lá,
de onde nada vem.
Espero que um dia,
nos encontremos também.


Sei que soou meio mórbido,
mas você sabe que faz parte,
enquanto houver a morte,
a vida será uma arte.


Era pra se dizer sobre amor,
mas não sei se falhei.
Essas coisas são interligadas,
não importa os argumentos que se tem.


Isso não são minhas juras de amor eterno,
mas a certeza de que um dia,
me veras de terno.
=) "
Caio S.C.

Um comentário:

  1. Rápido e dinâmico.
    Gostei bastante.
    Tem a tristeza presente mas da pra ver que é uma passagem.

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget