quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Erros e mais erros (Caio S. C.)



Você briga,
Fala e não fala,
Deixa uma facada em meu coração
E vai dormir.

Você dorme triste
acorda feliz,
Sem lembrar.

Eu não durmo
Torturando-me,
Nasce o dia,
Lagrimejando
Meus olhos se fecham.

É culpa minha,
Sempre é...
Sempre sou
O causador de desgraça maior
O lixo inútil,
O fracassado mor.

Desculpas não adiantam,
Não consertam o estrago feito,
Esquecer não é resposta
Não juntam os cacos do espelho.

(Caio S. C.)

Ocorreu um erro neste gadget